A votação da PEC pelo fim da antecipação da eleição e reeleição para Presidência da Assembleia continua rendendo.

Autor da proposta, o deputado Ricardo Barbosa (PSB) tratou de “casuísmo absurdo” e antidemocrática a contestação da base governista e do governador Ricardo Coutinho (PSB), que se envolveu na polêmica.

No mesmo discurso na tribuna, nesta terça-feira (20), Barbosa pediu desculpas aos colegas pelos “exageros”, segundo o próprio parlamentar.

Mordeu e assoprou!

Comentários: