Romero Rodrigues (PSD) sinaliza que vai apostar todas as suas fichas na cartilha do bolsonarismo visando 2022.

Até a máscara, item obrigatório na pandemia, o ex-prefeito de Campina Grande abandonou.

Durante a escala de Jair Bolsonaro no aeroporto João Suassuna nesta sexta-feira (19), Romero não decepcionou o presidente ao ignorar o uso da proteção apesar do avanço do coronavírus no município.

Como prefeito em 2020, Romero também incentivou o uso da cloroquina — medicamento sem eficácia contra a Covid-19 — e resistiu às medidas de restrição. Para o orgulho de Bolsonaro…

Comentários: