O governador do Maranhão, Flávio Dino, acaba de anunciar a sua saída do Partido Comunista Brasileiro. Através das redes sociais, Dino fez o seguinte comunicado:

“Informo que pedi desfiliação ao PCdoB. Desejo êxito ao Partido na sua caminhada em defesa de uma Pátria Livre e Justa. Uma grande Frente da Esperança é um vetor decisivo para um novo ciclo de conquistas sociais para o Brasil. A tal tarefa seguirei me dedicando.”

“Agradeço ao PCdoB a acolhida fraterna nesses 15 anos de militância. Diferenças que hoje temos, de estratégia e tática políticas, são menos importantes do que o meu reconhecimento ao papel histórico do partido na defesa de um novo projeto nacional de desenvolvimento para o Brasil”, tuitou.

Cotado para a disputa presidencial em 2022, Flávio Dino deve fechar com o PSB.

Comentários: