O Conselho Estadual dos Direitos da Mulher da Paraíba repudiou em nota as declarações consideradas “machistas” e “violentas” do deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota) contra a senadora Daniella Ribeiro (Progressistas).

Leia também:

» Daniella Ribeiro diz que reunião da frente bolsonarista “desrespeita o povo paraibano”

» Frente bolsonarista diminui tamanho de Daniella: “Café com leite”, diz Virgolino

» Machismo? Frente bolsonarista contra defesas a Daniella: “Lacração”

Em nota, a direção do Conselho afirmou que, “o machismo demonstrado pelo deputado é mola propulsora das violências cotidianamente sofridas pelas mulheres” e expressa indignação com “o tempo e o esforço das mulheres ainda gastos com a defesa de seus direitos elementares, como viver uma vida sem violência, inclusive, na cena política”.

O Conselho Estadual dos Direitos da Mulher da Paraíba diz esperar que o deputado Walber Virgolino “reveja sua postura e refaça o caminho de construção de uma sociedade com inclusão de todas e todos, livre da violência. O Parlamento é campo adequado para posturas de respeito às mulheres”.

Comentários: