O Novo – majoritariamente composto por empresários – decidiu há pouco manifestar apoio formalmente ao impeachment de Jair Bolsonaro, em razão, sobretudo, de seu desempenho no combate à pandemia da Covid-19 e o escândalo de corrupção no caso Covaxin.

Leia também 

+ CNT/MDA: Lula tem larga vantagem sobre Bolsonaro, 41,3% contra 26,6%

Em nota, o partido justificou:

“Na avaliação do Novo, alguns dos crimes cometidos são omissões e péssimas ações na gestão da pandemia, descaso com a aquisição das vacinas e possível prevaricação em denúncia de esquema de corrupção na compra do imunizante Covaxin”.

Segundo o presidente do partido, Eduardo Ribeiro, as recentes suspeitas com relação à compra de vacinas pesaram na decisão.

“Não bastasse o descaso com a compra das vacinas, surge então a suspeita de um grande esquema de corrupção, o que é completamente inaceitável”, afirmou.

Comentários: