Na reunião da Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul, na última quinta-feira (08/07), Jair Bolsonaro arriscou um palpite para Brasil e Argentina finalistas da politizada Copa América.

Cinco a zero, segundo Bolsonaro, para o Brasil. Igual a previsão sobre o número de mortos por Covid-19, Bolsonaro errou por pouco.

A vitória por 1 a 0 fez a Argentina quebrar o tabu de 28 anos sem título e o de não vencer o Brasil oficialmente há 14 anos. Faltou o gol impresso e auditável dirá Bolsonaro.  

Comentários: