Depois de quatro dias internado para tratar uma obstrução intestinal, Jair Bolsonaro deixou no último domingo (18/07) o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, após receber alta médica.

Saiba também: Planalto desiste de Romero e cogita lançar Queiroga para disputa ao Governo da Paraíba

Na saída, Bolsonaro voltou a afogar o Brasil na privada ao contar, pelo menos, 7 mentiras, da CPI da Covid, passando por medicamentos sem eficácia, à fraude eleitoral.

Olhando para Valdemiro Santiago, o pastor do “feijão que cura contra Covid”, Bolsonaro disse:

“A gente vê o mundo aí, alguns países investindo em remédios para curar a Covid, e aqui se você fala em cura de Covid passa a ser criminoso, Valdemiro. Passa a ser criminoso”.

Veja, abaixo, o vídeo produzido pelo site UOL com as mentiras de Bolsonaro.

Comentários: