João Azevêdo (Cidadania) disse há pouco em Cajazeiras, no Sertão, que não quer aliança com bolsonaristas em 2022.

>> Com Cássio, PSDB fará coletiva após especulação de aliança com Veneziano

“Eu já disse, eu não apoiarei o atual presidente e logicamente não teremos na chapa candidatos que façam a defesa do atual presidente”, declarou o governador.

O próprio Bolsonaro afirmou na última segunda-feira que a disputa na Paraíba será polarizada entre seus aliados e o projeto de reeleição de Azevêdo.

Em 2022, Bolsonaro sofrerá a maior derrota no Nordeste. João Azevêdo disse o óbvio.

Comentários: