Na conversa com o blog, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, não escondeu o arrependimento de ter apoiado o ex-governador Ricardo Coutinho no racha do partido com o governador João Azevêdo em 2019.

A partir daquele instante, o partido esfacelou na Paraíba com a saída de João para o Cidadania, do senador Veneziano Vital do Rêgo para o MDB e de vários deputados estaduais e prefeitos, restando apenas o deputado federal Gervásio Maia.

Carlos Siqueira aprovou a reaproximação do PSB com João Azevêdo.

>> Gleisi, Siqueira e Ricardo, um elefante na sala

>> Siqueira abre porta de saída do PSB para Ricardo: “Boa sorte”

Comentários: