Um passarinho que está agora na Unifacisa de Campina Grande acaba de contar ao blog uma cena quase que constrangedora.

Isso porque devido a falta de informações complementares no site da PMCG sobre o início da vacinação em adolescentes, muitos jovens tiveram que voltar para casa por não estarem acompanhados de pelo menos um responsável.

Foi o caso da filha do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que precisou chamar o pai para garantir a sua imunização.

Realmente, no release publicado pela PMCG, faltou este simples e necessário aviso.

Comentários: