O jogador William Ribeiro, do São Paulo-RS, que quase matou um árbitro de futebol durante uma partida da 2ª divisão do Campeonato Gaúcho, com um chute na cabeça, já passou pela Paraíba.

Em 2013, Ribeiro defendeu o Campinense, logo após a conquista da Raposa na Copa do Nordeste. Hoje ele está com 30 anos e foi preso depois da tentativa de homicídio no Rio Grande do Sul.

O fato ocorreu aos 15 minutos segundo tempo da partida entre Guarani, de Venâncio Aires, e São Paulo, de Rio Grande, no Estádio Edmundo Feix. As imagens da transmissão da FGF TV mostram o meia William Ribeiro, do São Paulo, acertar um chute na cabeça de Crivellaro, já caído no chão.

Já leu todas as notas e opiniões do blog hoje? Clique aqui.

Comentários: