A pré-candidatura do deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) ao governo da Paraíba está fora das prioridades do PSDB nacional para as eleições de outubro.

O jornal Estadão destaca que após o ex-governador João Doria abrir mão de sua pré-candidatura ao Planalto e a cúpula do MDB selar o apoio à senadora Simone Tebet (MS), o PSDB inicia agora a última etapa de negociação antes de fechar a aliança com a legenda.

Bruno Araújo, presidente do PSDB

Para sacramentar o acordo, o PSDB colocou uma condição: que o MDB apoie seus candidatos a governador no Rio Grande do Sul, em Mato Grosso do Sul e em Pernambuco.

“Esses três Estados são fundamentais para avançarmos nessa construção. Só vai ter sentido formalizarmos a reunião da executiva quando essa construção política e programática estiver consolidada”, disse o presidente nacional do PSDB, deputado federal Bruno Araújo (PE).

Comentários: