Um radialista esportivo de Campina Grande foi desligado da emissora que trabalhava após usar a transmissão da final do Campeonato Paraibano entre Campinense e Botafogo para se manifestar politicamente.

O comentarista da Rádio Cariri FM Tony Castanha destacou após a execução do hino nacional do Brasil que os torcedores lutam, segundo ele, para que “a nossa bandeira jamais seja vermelha”.

O blog foi informado que após o comentário o clima ficou pesado entre os integrantes da emissora. Mesmo assim, a transmissão foi conduzida brilhantemente como de costume pelo narrador Romildo Nascimento.

Detalhe: as bandeiras da Paraíba e do Campinense são vermelhas.

Comentários: